Todos

Weintraub é confirmado como diretor no Banco Mundial

O ex-ministro da Educação, Abraham Weintraub, foi confirmado nesta quinta-feira (30) como diretor executivo do conselho do Banco Mundial. Weintraub foi indicado para o cargo pelo governo brasileiro horas depois de deixar o MEC, em junho. Segundo o comunicado, Weintraub “deve assumir seu cargo na primeira semana de agosto e cumprirá o atual mandato que termina em 31 de outubro de 2020, quando a posição será novamente aberta para eleição. Weintraub foi eleito pelo grupo de países (constituency) formado por Brasil, Colômbia, República Dominicana, Equador, Haiti, Panamá, Filipinas, Suriname e Trinidad e Tobago. Weintraub anunciou em 18 de junho que sairia do MEC. Na ocasião, ao lado do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), atribuiu sua saída à indicação para o cargo no Banco Mundial. Weintraub chegou aos Estados Unidos dois dias depois de anunciar que estava deixando o MEC. Sua exoneração só foi publicada no Diário Oficial da União no dia 20 de junho, mesmo dia em que o ex-ministro chegou ao território americano.

Compartilhe nas redes sociais:

Faça seu comentário