Brasil

TSE vai comprar 180 mil novas urnas

O Tribunal Superior Eleitoral lançou, na segunda-feira, licitação para a compra de até 180 mil novas urnas eletrônicas, que devem ser utilizadas nas eleições municipais de 2020. A abertura das propostas está marcada para 13 de setembro. A licitação para a produção e o fornecimento das urnas modelo 2020 (UE2020) obedecerá ao Sistema de Registro de Preços, previsto na lei de licitações. Segundo o TSE. a demanda por compra de novos equipamentos decorre da necessidade de aprimoramento tecnológico e da substituição de parte das urnas, as de modelo 2006 e 2008, bem como da necessidade de suprir o crescimento das seções eleitorais até 2020.

As especificações técnicas de hardware, software, segurança e modelo de design e também o detalhamento sobre a garantia e a manutenção da urna eletrônica podem ser consultados no edital do certame. Segundo o TSE, no início de julho, antes da publicação do edital a Corte realizou uma audiência pública que contou com representantes da sociedade civil e de empresas especializadas. Todas as sugestões e contribuições viáveis apresentadas na ocasião para aperfeiçoar o projeto básico elaborado pela Secretaria de Tecnologia da Informação foram acolhidas.

Faça seu comentário