Todos

Transparência Internacional critica decisão de Toffoli sobre a Lava Jato

A Transparência Internacional afirmou que a decisão de Dias Toffoli sobre a Lava Jato “ameaça gravemente” a autonomia de órgãos de investigação. Na quinta-feira (9), o presidente do STF mandou as forças-tarefa da operação compartilharem todas as suas bases de dados com a PGR de Augusto Aras. A decisão foi tomada após a PGR entrar com reclamação no Supremo contra os procuradores, que estariam investigando autoridades com prerrogativa de foro, como Rodrigo Maia e Davi Alcolumbre – o que a Lava Jato nega. Em nota, a Transparência afirma que a justificativa apresentada pela PGR deveria motivar uma investigação interna na Procuradoria. “Jamais a justificativa deveria ser utilizada para uma devassa autoritária conduzida pelo chefe da instituição –agravada pelo fato de ser respaldada pela autoridade máxima do tribunal constitucional brasileiro”, afirmou a ONG. A entidade acrescenta que a decisão de Toffoli “reitera um histórico de resoluções monocráticas, amplamente questionáveis, com consequências sistêmicas e deletérias ao combate à corrupção no país”.

Compartilhe nas redes sociais:

Faça seu comentário