AgronegócioMundoSaúde e MedicinaTodos

Sindicato se opõe à reabertura de frigoríficos nos EUA, diz que ao menos 30 já morreram

O maior sindicato de funcionários da indústria de carnes dos Estados Unidos disse nesta sexta-feira que se opõe à reabertura de unidades de processamento no país, afirmando que o governo de Donald Trump não conseguiu garantir a segurança dos trabalhadores. Ao menos 30 funcionários de frigoríficos já morreram em decorrência do novo coronavírus nos Estados Unidos, disse em comunicado o United Food and Commercial Workers International Union, que representa mais de 250 mil trabalhadores do setor de alimentos. Esses sindicatos americanos são autênticas máfias.

Compartilhe nas redes sociais:

Faça seu comentário