BrasilEconomiaTodos

Roberto Campos Neto diz que Banco Central faz parte do plano do governo de reinventar economia do País

No encerramento de sua participação no Fórum de Investimentos Brasil 2019, o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, fez questão de ressaltar que, apesar do projeto de dar independência à instituição, o Banco Central faz parte do plano do governo de reinventar a economia do País a partir de dinheiro privado. “O Banco Central é peça importante do governo, esperamos que seja uma peça independente em breve, mas é uma peça que faz parte do programa e do plano do governo, que é tentar fazer o País se reinventar com dinheiro privado”, afirmou Campos Neto, em referência a uma fala anterior sua, de que os últimos surtos de crescimento do País ocorreram com dinheiro público e que, agora, o ideal seria impulsionar a retomada com recursos privados.

Na sua última frase, o presidente do Banco Central pediu aos participantes do evento que acreditassem no plano do governo e empreendessem no Brasil. “O Banco Central está aqui para ajudar”, ressaltou. O presidente do Banco Central falou ainda sobre pagamentos instantâneos e reiterou que o sistema estará pronto em 2020. “É um terreno bastante fértil para fintechs, com custo menor de intermediação para prestar serviços financeiros em tempo real”, disse. “E diminui a necessidade de dinheiro de papel na economia, o que deve propiciar ganho enorme ao Banco Central devido ao gasto de impressão e circulação e diminui o ambiente para lavagem de dinheiro e crimes”, afirmou Campos Neto.

Compartilhe nas redes sociais:

Faça seu comentário