PolíciaTodos

Polícia elimina refinaria de drogas e apreende 2,2 toneladas de cocaína em sítio no interior de São Paulo

Uma operação da Polícia Civil desativou uma refinaria de drogas e apreendeu 2,2 toneladas de cocaína neste domingo (20) em um sítio no bairro Sertãozinho, em Nazaré Paulista (SP). Dois homens foram presos. Segundo a Polícia Civil, a droga apreendida foi levada para o Departamento Estadual de Prevenção e Repressão ao Narcotráfico (Denarc) e o trabalho de pesagem só foi finalizado no fim da manhã desta segunda-feira (21). Além das 2,2 toneladas de cocaína, a polícia apreendeu mais de uma tonelada de insumos para produção da droga, como éter, codeína e cafeína.

Essa foi a maior apreensão de cocaína feita pelo Denarc neste ano. Balanço mais recente da Secretaria de Segurança Pública de São Paulo aponta que neste ano foram apreendidas 119 toneladas de drogas no Estado, sendo 27 toneladas de cocaína. O balanço é referente ao período de janeiro a agosto. Na ação deste domingo, os policiais conseguiram prender dois homens que estavam na entrada do sítio, que era utilizado para o refino e preparo das drogas. Parte do bando conseguiu fugir e a polícia faz buscas na região.

No sítio foram apreendidos diversos equipamentos usados no preparo e no embalo da droga para o comércio, além de drogas. O narcotráfico no Brasil está sofrendo prejuízos diários bilionários, nas operações policiais desatadas pelo aparelho repressivo no Brasil, comandado pelo ministro Sérgio Moro. Grande parte deste dinheiro servia para pagamento de propinas a membros do sistema político-partidário no País, e isso explica o combate que é feito ao ministro Moro. O narcotráfico está sendo estrangulado do ponto de vista financeiro.

Compartilhe nas redes sociais:

Faça seu comentário