BrasilJustiçaTodos

Juíza torna réu por organização criminosa o ex-diretor-presidente da Ancine, Christian de Castro Oliveira

A juíza Adriana Cruz, da 5ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro, aceitou a denúncia apresentada pelo Ministério Público Federal e tornou réus o diretor-presidente afastado da Ancine, Christian de Castro Oliveira, e mais sete pessoas. Segundo o Ministério Público Federal, o grupo atuou, de outubro de 2017 a janeiro de 2018, para desonrar a imagem de outros diretores da agência que concorriam à vaga de presidente do órgão. O objetivo era abrir margem para que Christian fosse eleito e que todos os envolvidos tivessem promoção em cargos públicos. Na semana passada, o presidente Jair Bolsonaro afastou Christian do cargo, atendendo a ordem judicial, e sugeriu que irá indicar um evangélico para assumir a presidência da Ancine. Ele faria muito melhor se simplesmente extinguisse esse órgão.

Compartilhe nas redes sociais:

Faça seu comentário