PetróleoTodos

Governo prepara leilão do petróleo na Amazônia Azul

O Conselho Nacional de Política Energética (CNPE) decidiu nesta sexta-feira ofertar blocos exploratórios de petróleo no mar na 17ª Rodada de Licitações, em 2020. A área do oceano na qual haveria a exploração é chamada de Amazônia Azul e considerada de elevado potencial. A oferta dos blocos exploratórios de petróleo no mar iria além do limite de 200 milhas náuticas determinado pela ONU como área de exclusividade econômica do País. O Brasil reivindica que esse limite seja ampliado para 350 milhas náuticas. “Atualmente, o principal foco é a faixa próxima ao pré-sal, em que, no caso de se confirmar descobertas, há expectativas de se aumentar o volume de reservas de petróleo e gás do Brasil em cerca de 50%, as quais hoje são estimadas em 15,9 bilhões de barris”, anunciou o Ministério de Minas e Energia.

Compartilhe nas redes sociais:

Faça seu comentário