Negócios

Eletrobrás confirma que vai vender os parques eólicos de Santa Vitória do Palmar e Chuí

A Eletrobras confirmou, hoje, que venderá seus parques eólicos de Santa Vitória do Palmar e no Chuí. Esses ativos fazem parte de uma série de participações societárias em Sociedades de Propósito Específico (SPEs) das quais a estatal pretende se desfazer. Os empreendimentos controlados ou com forte participação da Eletrobras somam capacidade instalada de 180,8 MW. São 12 parques eólicos, que contam com 101 aerogeradores, tendo as operações começado em 2015. Os desempenhos somados dessas companhias resultaram em 2018 em uma receita bruta de cerca de R$ 160 milhões, Ebitda de R$ 81 milhões, prejuízo líquido de R$ 25 milhões e dívida líquida de R$ 402 milhões. As inscrições para os interessados em participar na disputa desses empreendimentos foram abertas ontem e se estendem até 12 de agosto. Dia 4 de outubro é a data prevista para a entrega das propostas econômicas. A empresa tentou vender os ativos gaúchos em setembro do ano passado, por quase R$ 1 bilhão, mas não houve interessados na ocasião.

Faça seu comentário