BrasilPolíciaTodos

David Miranda, marido do americano conspirador do site sujo The Intercept, movimentou R$ 2,5 milhões em apenas um ano

Apesar das proibições do STF, que blindaram o editor do site sujo The Intercept, o americano conspirador Glenn Greenwald, um relatório enviado pelo Coaf ao Ministério Público do Rio de Janeiro aponta “movimentações atípicas” de R$ 2,5 milhões feitas pelo deputado federal David Miranda, em sua conta bancária entre abril de 2018 e março de 2019. David Miranda é cônjuge do americano. Ele movimentou de modo atípico, em apenas um ano, R$ 2,5 milhões e está sob investigação. Pelo menos dois casos diferentes são investigados: 1) suspeita de que os membros da quadrilha de hackers, ladrões de dados, teriam recebido dinheiro para passar os áudios e postagens de Dallagnol e Moro para site sujo The Intercept; 2) suspeita de que Jean Willys, do PSOL, teria vendido seu mandato para David Miranda assumir, já que ele era primeiro suplente.

Compartilhe nas redes sociais:

Faça seu comentário