BrasilPolíciaTodos

Câmara dos Deputados protege Wilson Santiago, afastado do mandato pelo STF, por corrupção

Por 233 votos a 170, a Câmara dos Deputados derrubou na noite desta quarta-feira o afastamento do exercício do mandato do deputado federal Wilson Santiago (PTB-PB), acusado de receber R$ 1,2 milhão de propina em obras superfaturadas de abastecimento de água no Nordeste, na adutora Capivara.

Wilson Santiago teve o mandato suspenso no mês passado pelo ministro Celso de Mello, relator no STF de investigação pela prática de corrupção e organização criminosa. Orientaram pela volta ao mandato os líderes do PT, PTB, PL, Solidariedade, PP, PMDB, Avante e PDT. A manutenção do afastamento foi defendida pelo PSL, Cidadania, PSOL e Novo. PSC, PSD, Podemos, PV e PSB liberaram suas bancadas. Esta legislatura atual é ainda mais corrupta do que as anteriores e está quase completamente contaminada.

Compartilhe nas redes sociais:

Faça seu comentário