BrasilPolíticaTodos

Bolsonaro sai do PSL e anuncia criação de novo partido, a Aliança Pelo Brasil

O presidente Jair Bolsonaro anunciou nesta terça-feira (12) a saída do PSL, partido pelo qual foi eleito, e a criação de outra legenda, a Aliança pelo Brasil. Nesta tarde, o presidente recebeu, no Palácio do Planalto, a vice-líder do governo no Congresso Nacional, deputada Bia Kicis (PSL-DF), e outros parlamentares do partido. “Hoje anunciei minha saída do PSL e início da criação de um novo partido: “Aliança pelo Brasil”. – Agradeço a todos que colaboraram comigo no PSL e que foram parceiros nas eleições de 2018″, diz o tuíte do presidente. A primeira convenção nacional do novo partido já ocorrerá no próximo dia 21, em Brasília. Na reunião com parlamentares do PSL, Bolsonaro anunciou que vetou 12 nomes de deputados federais do partido. Os nomes mais conhecidos são os de Luciano Bivar, delegado Waldir e coronel Tadeu.

Os 31 deputados federais do PSL que se elegeram na eleição de Bolsonaro estiveram com ele no final da tarde. Do grupo fizeram parte os quatro deputados federais gaúchos: Bibo Nunes, Ubiratan Sanderson, Marcelo Brum e Nereu Crispim. A presença de Nereu Crispim causou estranheza, porque ele é visto como um cavalo de Tróia, devido à sua umbilical ligação negocial com o ultra fisiológico Luciano Bivar, proprietário do PSL, razão pela qual ele é presidente da seção gaúcha. Também causou estranheza a presença do deputado federal Felipe Francischini, presidente da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara, outro que é ligadíssimo a Bivar. Todos tiraram foto oficial com Bolsonaro, que equivale praticamente ao registro de fundação do novo partido político. (Ag. BR)

Compartilhe nas redes sociais:

Faça seu comentário