MundoTodos

Boeing ucraniano com 180 passageiros cai após decolar de Teerã, suspeita de ter sido abatido por míssil iraniano

Um avião Boeing 737, da Ukrainian Airlines, com 180 passageiros a bordo, caiu minutos após decolar do aeroporto Imam Khomeini, na capital do Irã, Teerã, na madrugada desta quarta-feira, 8. Há suspeita de que o avião tenha sido derrubado por engano por um míssil do próprio Irã. A aeronave voaria do aeroporto Imam Khomeini para Kiev, capital da Ucrânia, informou o diretor de relações públicas da empresa que administra o aeroporto para a agência de notícias iraniana Fars News.

O jornalista Bahman Kalbasi, correspondente da BBC Persian Service, postou um vídeo registrando o momento em que o Boeing caiu. Ao final, é possível ver uma explosão. O avião pertencia à companhia ucraniana UIA. Até o momento, não há informações sobre vítimas do acidente, mas, de acordo com o porta-voz de emergência do Irã, Moytaba Jaledí, dez ambulâncias foram enviadas para o local do incidente, entre as cidades de Shahed e Parand. A fabricante Boeing enfrenta uma profunda crise após dois desastres com modelos 787 MAX, que causaram a morte de 346 pessoas. O acidente de avião mais grave do Irã ocorreu em fevereiro de 2018, quando um ATR-72 da companhia aérea iraniana Aseman caiu em uma área montanhosa do centro do Irã, matando 59 passageiros e seis membros da tripulação.

Compartilhe nas redes sociais:

Faça seu comentário